WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Politica’

Jean Wyllys e Marco Feliciano quase saem no tapa por exposição arte Santander Cultural

Janot abre investigação e diz que colaboração premiada da JBS pode ser anulada

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, abriu investigação interna para rever a delação premiada de três dos sete executivos do Grupo J&F. Os executivos teriam sido ajudados pelo ex-procurador Marcello Miller na elaboração da proposta de delação fechada com a Procuradoria-Geral da República. Miller atuava na PGR e, depois, passou a atuar como advogado da JBS. Segundo Janot, a gravação envolve ainda um ministro do Supremo e um parlamentar. Com base na delação dos executivos da JBS o Supremo pediu abertura de investigação contra o presidente Temer, o que não foi autorizado pela Câmara.

Comissão da Câmara aprova distritão para eleições de 2018 e 2020

A comissão especial da Câmara que analisa a reforma política aprovou na madrugada de hoje (10) um destaque que modificou o texto-base aprovado na noite de ontem (9) da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/03 e alterou o sistema eleitoral para as eleições de 2018 e 2020, que passará a ser feita pelo chamado distritão. Por esse sistema, serão eleitos os candidatos mais votados para o Legislativo, sem levar em conta os votos recebidos pelo conjunto dos candidatos do partido, como é o sistema proporcional adotado atualmente. :: LEIA MAIS »

PODENDO SER PRESO, AÉCIO NEVES NÃO É MAIS SENADOR E SUA IRMÃ É PRESA EM MINAS

Aécio Neves (PSDB-MG) não é mais senador; o presidente nacional do PSDB e líder do golpe que destituiu Dilma Rousseff foi afastado do cargo pelo ministro do STF Edson Fachin; o pedido de afastamento foi feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e acolhido por Fachin; Aécio foi gravado pelo empresário Joesley Batista, da JBS, pedindo R$ 2 milhões em propina; longe do Senado e sem o foro privilegiado do cargo, Aécio pode ter destino semelhante ao de Eduardo Cunha e ter seu caso remetido para o juiz Sérgio Moro; com isso, a decisão por uma eventual prisão do mineiro estaria nas mãos de Moro.

Prisão da sua irmã em Minas :: LEIA MAIS »

Dono da JBS grava Temer dando aval para compra de silêncio de Cunha

Na tarde de quarta-feira passada, Joesley Batista e o seu irmão Wesley entraram apressados no Supremo Tribunal Federal (STF) e seguiram direto para o gabinete do ministro Edson Fachin. Os donos da JBS, a maior produtora de proteína animal do planeta, estavam acompanhados de mais cinco pessoas, todas da empresa. Foram lá para o ato final de uma bomba atômica que explodirá sobre o país — a delação premiada que fizeram, com poder de destruição igual ou maior que a da Odebrecht.  :: LEIA MAIS »

POLÍTICA: Ronaldo Carleto tenta viabilizar candidatura ao senado pelo PSD

O deputado federal Ronaldo Carleto (PP) está se movimentando para viabilizar a sua candidatura ao senado pelo PSD. O deputado se movimenta para se filiar ao partido levando deputados e prefeitos.Na semana passada os deputados estaduais Reinaldo Braga e Nelson Leal, ambos PSL, estiveram em Brasília reunidos com Carleto, a pauta foi a filiação ao PSD. Os deputados Robinho e Luiz Augusto, ambos do PP, também deverão seguir a orientação partidária de Carleto.Segundo uma fonte, o senador Otto Alencar deu autonomia a Ronaldo Carleto para ele criar as condições política de ter seu nome apresentado pelo partido como candidato ao senado. Outra hipótese é Ronaldo ser candidato a vice-governador.

Em entrevista ao SBT, Lula confirma que será candidato à Presidência em 2018

O ex-presidente Lula deu entrevista ao jornalista Kennedy Alencar, no SBT, nesta quarta-feira, dia 26 de abril. E revelou, de forma clara, que sairá candidato à Presidência da República, caso não ocorra nenhum impedimento da Justiça.“Eu vou ter condições jurídicas de ser candidato, porque não há nenhuma razão jurídica para evitar que eu seja candidato. Aí seria melhor eles terem coragem de dizer o seguinte: ‘Olha, vamos dar o segundo golpe nesse país e não vai ter eleição em 2018. Na situação em que está, eu serei candidato. Eu agora quero ser candidato”, disse Lula.

Governo Temer é ruim ou péssimo para 55% dos brasileiros; apenas 10% aprovam gestão

O governo do presidente Michel Temer é considerado ruim ou péssimo por 55% dos brasileiros, de acordo com a pesquisa CNI/Ibope divulgada nesta sexta-feira (31). O instituto ouviu 2.000 pessoas entre 16 e 19 de março em 126 municípios. No levantamento, apenas 10% dos entrevistados consideram o governo do peemedebista como ótimo ou bom – índice similar ao verificado em pesquisas sobre o governo de Dilma Rousseff nas vésperas do processo de impeachment. Para 31% da população, o governo Temer é regular e 4% não souberam ou não responderam. O nível de confiança da pesquisa é de 95% e a margem de erro é de 2% para mais ou para menos. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia